Por um monitoramento consciente

Que atire a primeira pedra quem nunca entrou na fan page de sua empresa ou no perfil dela no twitter, viu que tinha novos seguidores/fãs, curtidas ou retwittes e quase entrou em êxtase de tanta felicidade. Pois bem, não é que você não deva ficar feliz, afinal, significa que conseguirá atingir mais pessoas em suas publicações. Porém, o que deve ser pensado na hora de monitorar as redes sociais é o quanto esses novos acessos realmente vão trazer resultados a sua empresa, ou seja, o quanto vai converter em lead.

Apesar de pesquisas mostrarem que empresas que utilizam as redes sociais de forma mais dinâmica, postando conteúdos diversos, tendem a conquistar mais fãs/seguidores, não se pode perder o objetivo para o qual essa empresa foi inserida no meio digital: vender e conquistar mais clientes.  Muitas pageviews ou diversos seguidores no Twitter não quer dizer que todas essas pessoas de fato leem e acessam o conteúdo publicado pela empresa e ainda menos que se tornarão clientes a partir disso.

Por isso, é necessário pensar (e analisar!) se o conteúdo que você produz nas redes sociais atinge o público-alvo da sua empresa, e se ele realmente está sendo efetivo não só para torná-la reconhecida, como também para trazer lucros e retorno aos investimentos feito no setor (profissionais, equipamento etc).

Case: um bom exemplo de como a empresa Gatorade mensura seu impacto através do monitoramento