Os clientes internos como peça chave nas mídias sociais

Cada dia mais cresce a importância das mídias sociais nas empresas e é maior o número de campanhas e estratégias de marketing envolvendo comunicação interativa na Internet. As organizações querem construir uma imagem sólida e um relacionamento com seus clientes na web e para isso decidem desenvolver diversas atividades online envolvendo seus clientes externos, parceiros, fornecedores.

Os clientes internos, ou seja, os funcionários das organizações, algumas vezes são esquecidos e não são incorporados às estratégias de marketing digital, não são incorporados ao ambiente que eles já participam por livre e espontânea vontade, o ambiente da web 2.0. Mas o que eles têm a ver com a decisão da empresa de investir em mídias sociais?

Muito dos colaboradores das empresas participam de redes sociais, visitam blogs, participam de fóruns e diversos tem seus próprios perfis na rede. E, por que não participarem dentro das empresas? Por que não estarem envolvidos dentro da estratégia adotada nas mídias sociais? E por que não fazer uma campanha participativa com os clientes internos?

Por isso, a importância de treinar os colaboradores quando se decide investir em mídias sociais e de envolvê-los nas campanhas adotadas. Uma campanha pode deixar de atingir seu resultado caso um colaborador, por falta de informação ou de treinamento, faz algo que não deve nas mídias sociais, em suas redes e perfis particulares, afetando não só a eficácia da campanha como também a imagem da organização.

Envolver os funcionários nesta decisão da empresa faz parte também de ser social, e não trará resultados satisfatórios apenas para uma determinada campanha ou projeto nas mídias sociais, trará resultados para a empresa também, para a motivação dos funcionários, e para os próprios clientes, uma vez que eles têm contato direto com os colaboradores da organização.