O significado do “like” no Facebook

O que motiva as pessoas a curtirem uma postagem ou uma página no facebook? Esta questão é constantemente levada em conta pelas marcas na hora do planejamento das campanhas e na confecção de um conteúdo estratégico. O botão “like” é uma forma de analisar o quanto você está sendo bem avaliado pelos usuários da rede social. As razões que os incentivam a utilizar o recurso, no entanto, até hoje não foram bem resumidas. No entanto, um estudo realizado pela Exact Target pretende desvendar esse mistério: a pesquisa leva o nome de “O significado do Like” (The meaning of like).

O objetivo é descobrir o valor da ferramenta, e o que as pessoas que interagem com as marcas esperam e quais são as razões pelas quais fazem isso. Além de analisar a interação via facebook, o levantamento pesquisou ainda dados sobre o twitter e o email. No caso da rede social de Zuckerberg, os pontos de partida foram:

Como os seguidores utilizam o like dentro do facebook e em outros sites?

Quais as expectativas deles ao darem like em uma página?

Quais práticas realizadas pelos profissionais de mídias sociais agradam e desagradam o público?

As conclusões remetem à questão dos fãs realmente engajados e daqueles que são ocasionais. Isso quer dizer que há uma grande diferença de comportamento entre um usuário que curte uma página por ser realmente fã da marca e aquele que curte apenas para participar de um sorteio ou promoção. As estatísticas comprovam esse fator:

42% dos usuários ativos concordam que os profissionais das empresas podem levar em consideração um like como certeza de que o usuário é mesmo fã da marca.

93% deles utilizam o recurso ao menos uma vez por mês.

74% curtem postagens de amigos.

52% clicam em like em outros sites, como blogs ou portais de notícias;

44% curtem algo que alguma empresa postou;

45% curtem uma empresa ou marca no Facebook;

Outros dados revelam o que as pessoas esperam quando curtem uma página: observa-se que essas motivações variam muito:

 58% espera ter acesso a algum conteúdo exclusivo, eventos ou vendas;

58% afirmam esperar por promoções e descontos;

47% curtem uma página para receber informações sobre a empresa;

37% querem que, ao curtir uma página, o nome da empresa ou marca apareça logo em seu perfil.

37% não esperam nada em especial.

36% esperam receber das empresas informações mais relevantes baseadas em seus conteúdos publicados abertamente em seus perfis.

Se os motivos pelos quais os usuários utilizam o botão “curtir” são importantes na hora de planejar o posicionamento da marca na internet, saber o que leva o público a não curtir, também é fundamental.

54% disseram não querer ser bombardeado por informações ou publicidade;

45% não querem que empresas tenham acesso a informações de seus perfis;

29% não querem manter contato com empresas no Facebook;

23% não vêem benefício algum em curtir uma página;

4% disseram não entender o que ganhariam se curtissem uma fanpage.

O estudo é uma forma interessante das marcas analisarem o comportamento dos usuários na internet. Além disso, reforça a tese de que  a quantidade de fãs nem sempre é o que deve ser levado em conta para medir os resultados, mas sim qual o estilo desse público e o grau de engajamento.