Nova rede social pretende competir com o facebook

rede social unthink

E as redes sociais não param: um novo site acaba de ser lançado com o propósito de competir com o facebook. A Unthink pretende conquistar os usuários da concorrente através da solução de problemas de privacidade, reclamação que tem sido a principal causa de perda de usuários no Facebook.  Mesmo com a insatisfação de alguns com relação a estes pontos, a criação de Mark Zuckerberg ainda lidera o mercado, com 800 milhões de usuários.

Além da crise que persegue o facebook com relação à privacidade de quem acessa o site, o serviço vem ainda passando por avaliações negativas quanto ao grande redesign anunciado nas últimas semanas. Durante a apresentação da Unthink, seus representantes declararam também que a concorrente transformou o perfil dos usuários em “depósitos de publicidade”.

A estrutura da nova rede social se assemelha muito ao modelo que conhecemos. O avatar permanece no alto da página à esquerda, com a exibição dos amigos logo abaixo e o fluxo de notícias na coluna central. Uma terceira coluna dedicada aos aplicativos e patrocinadores completa o formato.

O diferencial do  site é o formato de negócios inusitado, onde o usuário que passa a  escolher uma marca, com a qual tenha afinidade, para patrocinar a sua página. Ou seja, ao invés da exibição aleatória de anúncios, a pessoa veria apenas aqueles que fossem da sua empresa de preferência. Outra opção seria pagar a quantia de dois dólares por ano para acessar o serviço. A Unthink teve o investimento de mais de dois milhões de dólares do fundo Douglas Bay Capital e levou cerca de quatro anos para ser desenvolvida. A rede social está aberta ao cadastro para pessoas do mundo todo. Será que sua proposta inovadora será eficaz na concorrência com o facebook?